terça-feira, 19 de fevereiro de 2008

E Fidel renunciou...



E a grande notícia do dia é a renúncia de Fidel Castro, governante cubano cuja permanência no poder estava prestes a completar 50 anos. Herói para muitos, vilão para outros tantos, líder responsável por grandes melhorias sociais na ilha caribenha e ao mesmo tempo governante autocrata e criador de uma espécie de "totalitarismo tropical".

  • Difícil falar de Fidel em tão poucas linhas. Prometo aos leitores uma análise posterior de suas ambigüidades e de seu legado para a América Latina e para o mundo. E, é claro, comentários sobre o direito cubano.

Nenhum comentário: